quarta-feira, 16 de março de 2016

Um Tom a Mais de Palidez


Nós não dançamos apenas uma suave música,
Demos cambalhotas pelo chão e fomos felizes
Eu estava me sentindo meio enjoado
Mas a multidão pedia bis, e nós então dançamos..

O barulho no salão ficava maior a cada passo que dávamos
Enquanto o teto girava, parecíamos um só corpo
E quando pedimos mais uma bebida, tá lembrada?
O garçom nos trouxe uma bandeja....

E isso foi mais tarde, quando a noite caia
Quando a mariposa então me contou sua história
O rosto dela, a princípio era apenas branco
E com o passar dos minutos, ganhou um
tom a mais de palidez, ficando quase fantasmagórico.

Ela me disse, não há razão nenhuma para preocupações
E a verdade é clara de se ver, vc só não a verá se não quiser.
Mas eu estava tão maravilhado com meu jogo de cartas
Que não me atentei com a volatilidade do seu amor,
E não deixava de ver que ela fosse uma das dezesseis
virgens vestais que partiam para o litoral.
Bem, ela foi embora e eu me peguei apaixonado, apaixonado por alguém
Que na verdade, nunca existiu.
E embora meus olhos estivessem abertos, fui um cego de olhos abertos

Aonde à nuvem do encantamento me cegou...

3 comentários:

  1. Amares voláteis,volúvel, voluptuoso, com asas de mariposas...

    ResponderExcluir
  2. Amares voláteis,volúvel, voluptuoso, com asas de mariposas...

    ResponderExcluir